Tiramos as nossas primeiras férias e fomos para Londres!

Como nosso orçamento é sempre limitado, escolhemos alguns lugares 0800 (entrada grátis) pra conhecer.

Vou separar esse post em duas partes, assim não fica textão e posso contar um pouquinho mais sobre cada um deles pra vocês.

Começando com a almejada Tower Bridge!

A Tower Bridge, que já foi cenário para vários filmes como Bridget Jones, Tomb Raider, Velozes e Furiosos 6, Missão Impossível, entre outros, é uma das pontes mais famosas do mundo e uma das maiores atrações turísticas do país.

É super fácil de chegar e você também pode visitar a parte interna das torres, onde fica todo o sistema que suspende a ponte quando é necessário a passagem de barcos e uma exibição contando a história da torre e seus construtores (não visitamos, pois a entrada é paga).

Além disso, é possível atravessar a passarela para admirar a vista do Rio Tâmisa e dos arredores de Londres 🗺

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Bia | Projeto Explore✈️ (@projeto.explore)

Você sabia que também existe uma Chinatown em Londres?

Foi uma surpresa bem grande pra gente! 😲

De fronteira com a Soho, a Chinatown é uma área que contém uma série de restaurantes chineses, padarias, supermercados, lojas de souvenirs e outros negócios administrados por chineses.

Ao pesquisar um pouco mais sobre a história descobrimos que essa, na real, não é a primeira Chinatown de Londres. A primeira área de Londres conhecida como Chinatown estava localizada na área de Limehouse, no East End de Londres, mas grande parte da área foi danificada por bombardeios aéreos durante A Blitz (campanha de bombardeio alemã contra o Reino Unido) na Segunda Guerra Mundial. Muitos anos depois, alguns poucos restaurantes foram abrindo em uma área comum próxima a Soho até se transformar na grande Chinatown que existe hoje, com mais de 80 restaurantes na região.

Nos lembrou muito a Liberdade em São Paulo, mas faltou uma coisa essencial que só achamos por lá: um pastelzinho de queijo 🤣😍

É um lugar muito bacana para se conhecer e encontramos alguns restaurantes Buffet com comida a vontade (coisa que quase não vemos por aqui) por apenas £6.95 ❤⛩

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Bia | Projeto Explore✈️ (@projeto.explore)

Visitamos a Casa da Betinha! 🏠🤣

O Buckingham Palace é a residência oficial e principal local de trabalho da Família Real Britânica em Londres desde 1837. O palácio de 77 mil metros quadrados conta com “apenas” 775 cômodos. Destes, 19 são a salas de estado, 52 quartos são utilizados pela realeza e outros 188 são destinados aos funcionários. O palácio possui 92 escritórios e nada menos do que 78 banheiros.

Durante as duas guerras mundiais, o palácio sobreviveu de maneira exemplar. Na Primeira Guerra Mundial teve a sorte de não ser atacado, mas durante a Segunda Guerra Mundial foi bombardeado em diferentes ocasiões. O bombardeio mais importante ocorreu em 1940, destruindo a capela real, no momento em que o rei George VI e a rainha Elizabeth I estavam no palácio e ambos escaparam por pouco de uma tragédia.

É possível visitar o interior do palácio apenas entre julho e outubro e você pode optar por comprar duas entradas, a mais simples custa £26,50 para os adultos e permite a visitação do Buckingham Palace e Salões do Estado. Já a mais completa saí por £49 e cobre o Buckingham Palace, Salões do Estado, Cocheiras Reais e Galeria da Rainha.

Mas, se a grana tiver curta, ainda vale a pena ir para ver o exterior do palácio e assistir a Troca da Guarda, que acontece assim:

  • De agosto ao início de junho: todas as segundas, quartas, sextas e domingos;
  • Final de junho à julho: diariamente.

A troca se inicia às 11h, mas desde às 10h30 já há a movimentação dos guardas que estão terminando o turno.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Bia | Projeto Explore✈️ (@projeto.explore)

A roda-gigante mais cobiçada do mundo 🎡

Por fim, mas não menos importante, visitamos a roda-gigante London Eye!

A roda-gigante gira tão lentamente que dá para as pessoas embarcarem enquanto ela está movimento. Uma volta completa leva cerca de 30 minutos. Ela é composta por 32 cabines de vidro, que permitem que os passageiros tenham uma visão em 360 graus sobre Londres.
De dentro da cápsula/cabine você consegue ver monumentos famosos como o Buckingham Palace (olha ele aqui de novo!), a torre do Big Ben e o Palácio de Westminster.

A London Eye é a atração paga mais vista de Londres, então se você está disposto(a) a desembolsar £29.50 (valor no momento em que lhes escrevo) indico que compre antecipadamente clicando aqui.

Nós visitamos apenas a parte externa da roda-gigante, que nos rendeu fotos maravilhosas 😍 Também recomendo que você visite a noite, quando as luzes estão acessas e dão um destaque encantador.

Mesmo com um orçamento bastante limitado, Londres é maravilhosa! Há muita coisa pra fazer na cidade que nunca para.

Vamos para parte II?

Nos vemos na estrada!

Você também pode gostar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.